10 resoluções de TI para 2022

10 resoluções de TI para 2022

Líderes de TI compartilham suas visões sobre como esperam transformar suas equipes, organizações e a si próprios em 2022.

Os CIOs têm uma longa lista de iniciativas de tecnologia, entregas de produtos e projetos de TI planejados para 2022. Cada um é, obviamente, importante por seu próprio direito. No entanto, todos juntos, eles estão promovendo um bem maior para a empresa.

Com isso em mente, pedimos a vários CIOs que compartilhassem seus objetivos e metas gerais – ou, no espírito de Ano Novo, que compartilhassem suas resoluções – para 2022.

Veja o que eles desejam alcançar e como planejam ter sucesso.

1. Maximize o poder das pessoas

A Booz Allen Hamilton acredita que seu time é seu maior recurso, então o CIO Brad Stone informa que capacitará cada um deles como seu objetivo número 1 para 2022. A meta, ele explica, é “fornecer os serviços e o ambiente digital que cada um de nossos usuários deseja para que possam maximizar quem são.”

Isso é um grande impulso para uma empresa com 29.000 funcionários, e para estes motivação e qualidade de trabalho e satisfação profissional.

“Aprendemos muito sobre o que significa um ambiente híbrido, mas ainda temos muitas incógnitas. Nem sempre sabemos o que nossos usuários desejam, o que o trabalho significa para eles, mas ainda queremos ter certeza de que nossos funcionários tenham suporte, não importa onde estejam ou o que estejam fazendo ”, afirma Stone.

Ele planeja construir personas de trabalhadores, procurar pontos em comum entre eles e explorar as comunidades de usuários para identificar necessidades e, em seguida, oferecer opções para atendê-las – mas sem criar uma vasta gama de opções.

Esse objetivo, acrescenta, “está vinculado ao nosso objetivo principal de negócios, que é atrair, reter e expandir nosso pessoal”.

2. Seja mais empático

Abha Dogra, vice-presidente sênior de tecnologia digital e CIO da América do Norte da Schneider Electric, viajou ao México no início de dezembro para visitar funcionários que ela ainda não conhecera pessoalmente. Ela considera a viagem um início precoce de sua meta para 2022 de usar mais de seu quociente emocional, ou QE.

“Como líderes em tecnologia, podemos ser orientados para o QI; meu comportamento é impulsionado pelo lado do QI do meu cérebro. Não acredito que isso vá mudar, mas gostaria de dar a mim mesma uma meta de realmente melhorar meu QE, onde agora devo estar muito mais presente para minha equipe, física e emocionalmente, para realmente ajudá-los a evoluir ”, ela diz.

Ela viajou para Monterrey especificamente para visitar uma equipe que trabalha no hub digital da empresa, que foi inaugurado poucos meses antes do início da pandemia COVID. Dogra diz que fez questão de manter o tempo aberto em sua agenda e sentar-se em espaços abertos, como a cozinha do escritório, para que ela pudesse se envolver com os funcionários em um nível pessoal e deixar os funcionários saberem que ela está disponível para orientar e ensinar como tanto quanto para liderar.

3. Direcione a experiência do cliente para o próximo nível

RJ Juliano, diretor de informações e marketing da Parkway, uma empresa sediada na Filadélfia que compra, vende, administra e aluga imóveis e estacionamentos, têm grandes ideias sobre como construir um futuro centrado no cliente para esta quase secular empresa.

Juliano diz que imagina construir uma experiência de cliente sem atrito que forneça informações altamente precisas e direcionadas para onde eles querem ir – e que os conecte com outros lugares que precisam estar em suas viagens.

“Fazemos parte de uma grande rede e queremos ser uma parte sem atrito”, diz ele, explicando que sua visão requer trabalhar com outras empresas para conectar plataformas para oferecer os serviços de que os clientes precisam.

A ideia de Juliano não é nova, mas foi deixada de lado por um tempo durante a pandemia, pois outras necessidades passaram a ter prioridade. Mas Juliano está fazendo da experiência do cliente uma parte central de seus planos para 2022, com base em recursos, como novos aplicativos para serviços sem toque, que foram entregues durante a pandemia.

Ele diz que não tem tempo a perder: “Acho que as expectativas dos clientes vão dobrar rapidamente; eles esperam um mundo totalmente conectado.”

Outros também percebem isso: o relatório de tendências tecnológicas de 2022 do Info-Tech Research Group descobriu que 69% dos profissionais de TI entrevistados acreditam que a mudança nas expectativas dos clientes interromperá os negócios nos próximos 12 meses.

4. Retenha a agilidade recém-descoberta

As organizações que sobreviveram até 2020 e 2021 o fizeram, em muitos casos, porque foram capazes de se adaptar e se ajustar ao longo de quase dois anos de tumulto e perturbação.

“Todos nós descobrimos como ser ágeis pela força. Não queremos perder esse ímpeto. Não quero que as pessoas voltem a ser abertamente avessas ao risco”, diz Juliano.

Ele acredita que as organizações, incluindo a sua própria, podem retroceder para processos anteriores que exigiam mais etapas para aprovar e fazer alterações. Embora ele reconheça a importância de processos e controles para garantir que boas decisões sejam tomadas, ele deseja que sejam ágeis o suficiente para manter a velocidade que realizamos durante a pandemia.

“Não vamos esquecer a lição que aprendemos: podemos agir rápido. Descobrir como pensar e agir muito rapidamente. Vamos continuar fazendo isso ”, diz ele.

5. Prepare-se para o crescimento

A TI impulsionou muito o crescimento que os negócios viram no ano passado.

Isso deve continuar, de acordo com o Snow Software 2022 IT Priorities Report, que lista “impulsionando o crescimento da empresa” em sétimo lugar em sua pesquisa das 12 principais prioridades de CIO para 2022.

“Munido de muitas experiências novas e perspectiva remodelada, 2022 será o ano para a TI aproveitar tudo o que foi aprendido, definir novas linhas de base e conduzir em direção a novos níveis de crescimento”, afirma o relatório.

Steve Heilenman, CIO da Benefix.us, uma startup no setor de tecnologia de seguros, impulsionou o crescimento no topo de sua lista de resoluções para o próximo ano. A empresa de 5 anos viu um crescimento de 121% ano a ano em sua curta história, e Heilenman diz que TI é essencial para permitir que a empresa continue nesse caminho de crescimento rápido.

Heilenman diz que a TI da Benefix.us está trabalhando para estabilizar a plataforma da empresa para acomodar esse crescimento, ao mesmo tempo em que adiciona novos recursos, como os recursos analíticos que os clientes desejam e as equipes internas de automação precisam para acompanhar as cargas de trabalho crescentes que vêm com a escala de crescimento.

6. Flexibilidade de recursos baseados em dados

Um dos principais objetivos de Eric Johnson, vice-presidente executivo e CIO da Momentive (anteriormente SurveyMonkey), tem para si e sua organização: gerar mais impacto nos negócios por meio do programa de dados da empresa.

Johnson esteve o ano passado construindo as bases para realmente aproveitar essa oportunidade. “Focamos os investimentos em infraestrutura de dados, contratando habilidades-chave e vitórias-chave”, diz ele. “Em 2022, vamos nos esforçar para definir metas e projetos maiores para impulsionar os KPIs de negócios críticos usando ciência de dados e aprendizado de máquina.”

A empresa de consultoria de gerenciamento McKinsey & Co. coloca os dados como uma das seis “prioridades decisivas” para os CIOs em 2022.

“Não é muito exagero dizer que nenhuma iniciativa importante de criação de valor para o negócio é possível sem bons dados. É literalmente a força vital do negócio e deve ser tratado dessa forma”, escreve o sócio sênior da McKinsey, Aamer Baig, sobre o assunto, acrescentando que os CIOs devem se concentrar na qualidade em vez da quantidade e desenvolver“ uma capacidade de orquestração para fazer as muitas ligações de dados necessárias para permitir experiências avançadas. ”

A Booz Allen’s Stone também promoveu resolução semelhante envolvendo dados, mais especificamente para continuar empurrando a empresa em seu caminho para se tornar a organização verdadeiramente orientada por dados.

“Queremos obter mais valor dos dados e usá-los orientando-nos mais precisa e amplamente para que possamos realmente alcançar maior velocidade e qualidade na tomada de decisões”, acrescenta.

7. Otimize a cultura de trabalho híbrido

Para muitos CIOs, o ambiente de trabalho híbrido – aquela mistura de funcionários presenciais e remotos – veio para ficar para seus próprios funcionários de TI e para a força de trabalho geral de sua organização. Portanto, eles têm a tarefa de fornecer os recursos básicos e liderar e gerenciar a nova cultura do local de trabalho.

Mas mesmo depois de quase dois anos trabalhando nesta modalidade, os desafios permanecem. O Relatório de Prioridades de TI da Snow Software descobriu que 78% dos líderes de TI disseram que o trabalho híbrido pode ser um fardo, pois eles tentam contratar, manter e gerenciar adequadamente a crescente força de trabalho remota de sua organização.

Não é surpreendente, então, que os CIOs estejam decididos a se concentrar na construção de uma cultura de local de trabalho sob medida para o modelo híbrido. Thomas Phelps, vice-presidente sênior de estratégia corporativa e CIO da Laserfiche, é um desses líderes de TI.

“Com a transição da Laserfiche para um ambiente de trabalho híbrido, temos a oportunidade de contratar talentos para trabalhar em quase qualquer lugar. O desafio é como você sustenta a cultura quando suas interações humanas podem ser limitadas a uma miniatura de imagem de duas polegadas”, diz ele.

Ele acrescenta: “Minha resolução é não apenas liderar a inovação tecnológica e o desempenho dos negócios, mas também encontrar novas maneiras de sustentar a cultura de nossa empresa para um trabalho híbrido com liderança que define o tom e a combinação certa de serviços e colaboração digitais – e às vezes ferramentas analógicas. Algumas soluções de tecnologia influenciarão a aparência de nossa cultura de trabalho híbrida, mas o maior impacto virá da promoção de cultura em que as equipes se sintam engajadas e valorizadas.”

8. Automatizar, automatizar, automatizar

A automação está no topo da lista para Stephen Franchetti, CIO da empresa de tecnologia Samsara, que deseja usar a tecnologia para aumentar a produtividade e simplificar a experiência do usuário.

“Queremos que as pessoas que contratamos se concentrem no trabalho para o qual as contratamos. Queremos que nosso pessoal de vendas esteja disponível para vender e que nossos engenheiros estejam cortando códigos e criando ótimos produtos, em vez de trabalhar em *administrivia (*detalhes cansativos, mas essenciais, que devem ser atendidos e as tarefas que devem ser realizadas na administração de uma organização”, diz ele. “Portanto, automatizar processos repetíveis por meio de aplicativos, bots e integrações será fundamental para nos mantermos ágeis à medida que crescemos.”

Além disso, ele acredita que a automação é um componente crítico para o sucesso futuro, vendo-a como uma forma de ajudar sua empresa a “evoluir, escalar com eficácia e manter nossa agilidade no processo”.

O relatório Info-Tech 2022 Tech Trends descobriu que 79% dos líderes de TI pesquisados ​​veem a automação como um alto valor para sua organização no ano seguinte. O relatório também listou a automação como serviço como uma de suas cinco tendências tecnológicas a serem observadas em 2022.

9. Inove

De acordo com o relatório da Snow Software, os CIOs colocaram “impulsionando a inovação para obter vantagem competitiva” em 5º lugar em sua lista das 12 principais prioridades para 2022 – acima do 9º lugar em2021.

Ravi Naik, CIO e vice-presidente executivo de serviços de armazenamento da Seagate Technology, classifica a inovação em uma posição ainda mais alta em sua lista de 2022. Na verdade, ele lista a inovação – e mais especificamente, a capacidade de inovar dentro das restrições que possui – a principal resolução.

“Trata-se de dimensionar tudo o que estamos fazendo de forma mais eficiente e limpa para reinvestir recursos na organização”, diz ele, observando que é fundamental para o crescimento que as equipes de TI questionem o status quo. “Quando a inovação é desencadeada, podemos desbloquear o valor que está preso nas ineficiências e permitir que esse valor seja reinvestido na empresa. Obviamente, os CIOs não podem fazer isso sozinhos. É um comportamento que precisa ser institucionalizado. Eu incentivo toda a organização de TI a adotar essa mentalidade. ”

Ele acrescenta: “Podemos fazer mais com menos, não porque estejamos simplesmente morrendo de fome ou apagando as luzes, mas porque encontramos um modelo de consumo melhor graças à nuvem e à agilidade. Precisamos direcionar recursos onde eles são mais necessários. É por isso que quero promover uma cultura que inova sob restrições.”

10. Simplifique

O Info-Tech Research Group, em seu relatório 2022 Tech Trends, identifica a complexidade como um fator de risco para os CIOs à medida que avançam com certas iniciativas. Stone, da Booz Allen, concorda, por isso coloca “simplificar” como mais uma de suas resoluções para o ano que vem.

“Quero simplificar nossa empresa e simplificar nossas operações”, diz ele.

Ele vê o uso de mais tecnologia de nuvem como uma das principais maneiras de eliminar a complexidade e acredita que livrar a organização de processos sob medida e aplicativos altamente personalizados é outro movimento a fazer, explicando que ambos podem criar atrito e lentidão a organização no momento em que serviços contínuos e velocidade são necessários para o sucesso.

Link: https://www.cio.com/article/302025/10-it-resolutions-for-2022.html?utm_source=Adestra&utm_medium=email&utm_content=Title%3A%2010%20IT%20resolutions%20for%202022&utm_campaign=CIO%20US%20First%20Look&utm_term=CIO%20US%20Editorial%20Newsletters&utm_date=20220107122237&huid=88a86ab9-9d29-4e37-b689-2fccad82d0fa&utm_source=Adestra&utm_medium=email&utm_term=&utm_content=Title%3A%2010%20IT%20resolutions%20for%202022&utm_campaign=https%3A%2F%2Fwww.cio.com%2Farticle%2F302025%2F10-it-resolutions-for-2022.html

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© SicoloS Tecnologia 2020 – Todos os direitos reservados.
Feito com ❤ por